Programa Educar pra Valer chega a Vila Velha

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

O município de Vila Velha vai receber o Programa Educar Para Valer. Uma reunião com a equipe do ES em Ação, representantes da Associação dos Empresários de Vila Velha (Assevila), o presidente da Associação Bem Comum, Veveu Arruda e o prefeito de Vila Velha, Arnaldinho Borgo, acertou detalhes da parceria na última quarta-feira (08).

A missão do Educar pra Valer é prestar cooperação técnica aos municípios brasileiros com a finalidade de apoiá-los na implementação de boas práticas de gestão, tendo por base as evidências e resultados referenciados na experiência do município de Sobral e no Programa PAIC do Estado do Ceará.

Em Vila Velha, o foco do trabalho será apoiar a gestão pedagógica municipal para alfabetização na idade certa. O ES em Ação articulou junto a Bem Comum a inclusão do município no Programa.

Vale lembrar que a Assevila faz parte da Rede Empresarial e busca promover o desenvolvimento sustentável de Vila Velha por meio da melhoria do ambiente de negócios e projetos que incentivam a transformação da educação municipal.

A Associação Bem Comum dá apoio tanto para redes municipais quanto estaduais. No Espírito Santo, por exemplo, são eles que apoiam o Pacto pela Aprendizagem de Educação (Paes), outro programa que conta com acompanhamento do ES em Ação.

Programa

O Educar pra Valer surgiu em 2018, com a ideia de oferecer boas práticas de gestão pública com apoio técnico, ajudando secretarias de educação e suas escolas no avanço da aprendizagem. O programa é liderado por Veveu Arruda, que foi prefeito de Sobral, e reúne diversas experiências que deram certo no município para apoiar outras regiões e realidades Brasil afora.

José Clodoveu de Arruda Coelho Neto, mais conhecido como Veveu, é um professor, advogado e político brasileiro. Foi prefeito de Sobral de 2011 até 2016.

Certa vez, em entrevista, Veveu declarou que as experiências municipais podem contribuir para inspirar não apenas outras cidades, mas também todo o país. É o que está acontecendo na prática.